Pesquisar este blog

sábado, 31 de julho de 2010

Nova casa de festas do Alto da Boa Vista

Será que estou muito atrasada?
Nunca tinha ouvido falar nesta casa de festas chamada Palácio do Alto. Mas confesso que desde criança passo em frente a esse imóvel - que até algum tempo atrás me parecia uma residência - e imagino como seria lá dentro! Agora eu sei...
No local cabem até 500 pessoas sentadas e eles oferecem serviços de buffet, decoração, iluminação, sonorização, entre outros. Mas, segundo me disseram, permitem levar alguns fornecedores de fora. Fica aí a dica para as noivinhas que ainda não escolheram o local da festa e sonham em se casar no Alto da Boa Vista!

Serviço:
Palácio do Alto
Av. Edson Passos, 2258
Telefones: 2570.1611/ 7874.1933

Buquês

Se alguém me perguntasse sobre vestidos de noiva... eu poderia ter uma noção de como será o meu. Imagino coisas que eu gosto e que, juntas, podem formar o vestido ideal;
Se alguém me perguntasse sobre decoração... eu saberia dizer dois ou três combinações que me fariam muito feliz;
Mas, até hoje, se me fosse pedido para descrever meu buquê ideal, não saberia. Até hoje!
Porque depois de ver umas mil fotos de buquês e guardar em uma pasta meus favoritos... ficou na cara que eu gosto mesmo é de buquês claros e redondinhos. hehehe

quinta-feira, 29 de julho de 2010

Madrinhas: como se vestir

Ou: "Oi, vou ser madrinha, o que eu uso?"

A pedido da amiga Dani Amorim, estou adiantando um assunto que já estava na minha pauta: dress code para madrinhas. A roupa que as madrinhas vão usar depende muito do horário da cerimônia, do tipo de casamento, etc. E, a bem da verdade, a vontade da noiva, neste quesito, é soberana.

É importante ter em mente que as pessoas podem vestir-se de formas diferentes de acordo com seu papel no evento. Se você for da família dos noivos, vai se vestir diferente de um convidado, assim como se for participar da cerimônia, no caso de madrinha do casamento. 

Nos casamentos formais na igreja e à noite, o longo é a melhor opção. Em casamentos mais despojados, de dia, pode-se usar o tipo longuete. No caso da noiva optar por madrinhas usando longo em cerimônias diurnas, é importante ressaltar que não se deve usar brilho. Tecidos mais leves são uma boa escolha. Eu, particularmente, acredito que deva-se padronizar o comprimento para evitar discrepâncias no altar; ou todas de longo ou todas de longuete. Mas já vi casamentos em que cada madrinha foi de um jeito. Se os noivos acham ok, beleza.

Convidadas, em geral, podem optar pelo comprimento que acharem melhor, a não ser em festas MUITO chiques que pedem black-tie. Aí sim o longo é obrigação.

Cada uma com sua cor?
Em muitos casamentos, as madrinhas se preocupam em "escolher" uma cor para que ninguém a repita no altar. Acho que isso vem muito do gosto da noiva. Eu, por exemplo, não me incomodo. É claro que se forem todas de azul, sei lá, acho que fica meio estranho. Mas se por acaso duas usarem verde em tons diferentes, não vejo problema. Aí é uma outra questão que a noiva deve deixar bem clara para suas madrinhas para não haver confusão. E tem também a moda americana, em que as madrinhas usam todas o mesmo modelo, ou então a mesma cor em modelos diferentes.

O vestido da Drew Barrymore é meu modelo dos sonhos!

Quase unanimidade, apenas uma coisa: convidadas e madrinhas não devem usar branco nem cores muito claras como gelo, off-white ou champagne. E muitas noivas também não gostam que madrinhas usem preto no altar por causa da tradição de mau agouro. (E nessa eu me incluo, rs)

Dicas para ficar linda e não ficar no vermelho
Há algum tempo, fiz uma matéria no EGO, onde trabalho, sobre vestidos de festa. Contei com a ajuda de Bia Vianna, da consultoria de moda À Moda da Casa, que me deu dicas para arrasar numa festa sem arrasar a conta bancária. Dá para aproveitar um traje antigo, por exemplo. "Uma coisa que eu sempre faço questão de lembrar: só você saberá que aquele vestido é velhinho, então não dê tanta importância a isso, se preocupe em estar linda!", diz a consultora.

"Dá para reformar um vestido antigo, colocando um detalhe que ele não tinha e caprichando no cabelo e na maquiagem. Não adianta nada estar de vestido e acessórios lindos se seu cabelo e maquiagem não estiverem tão lindos quanto. É muito comum, infelizmente, a falta de preocupação com isso. Dá para fazer em casa e ainda assim sair arrasando." Bia aconselha se inspirar em tutoriais de make de sites - tem o 2Beauty, o Dia de Beauté... 

E não esqueça de caprichar nos acessórios. Em algumas produções, é o que dá a vida ao look. "Eles não precisam ser combinadinho há algum tempo. Precisam estar em hamonia com todos os acessórios e também com o vestido, a maquiagem e o penteado", explica Bia. "Se o vestido já é bem trabalhado, escolha uma bolsa com menos informação, assim como o sapato. Mas se o vestido for liso, aposte nos acessórios com mais brilho, mais detalhes, mantendo a harmonia entre eles."
Modelos simples mas fofos. E o que é essa sandália roxa?! Linda!
Preto no altar não traz bons agouros, dizem. Mas o modelo é lindo!

Casamento dos famosos - Virna

A jogadora de vôlei Virna casou-se grávida de seis meses. Achei o vestido tão lindo e ela estava superbonita e radiante. Gostaram?

quarta-feira, 28 de julho de 2010

Casamento dos famosos

Não adianta negar... todo mundo curte dar uma espiadinha nas fotos de casamento de famosos! Seja pra ficar babando com os detalhes, com o luxo inacessível ou dar aquela alfinetadinha... Ah, eu adoro! rs

Então vou sempre colocar aqui fotos de casamentos badalados e dar minha opinião! E vocês dão a sua!

Casamento de Ricardo Pereira e Francisca
 Ricardo Pereira casou em Portugal. Ai, ele e a Francisca fazem um casal muito fofo.
Gente o que é esse bolo de flores e laranjas? Até agora não entendi a proposta... rs Eu olho e me dá nojinho, parece uma pedra cheia de fungos. E também não curti o acessório de cabelo dela. Mas o vestido e o noivo são uma graça (Desculpa Leleco hahaha)




terça-feira, 27 de julho de 2010

Tabela comparativa de orçamentos

Ou: Casar no Rio de Janeiro é caro pra caramba. 

Durante minhas pesquisas, fiz (com a ajuda do super-Leandro viciado em Excel!) uma tabela para comparar preços de casas de festas. Por questão de preferência pessoal, pesquisei locais no Centro, Zona Sul, Alto da Boa Vista e poucas coisas na Barra. Foram eles:

Arruda
Caiçaras
Caravelas
Casa de St Tereza
Chapecó
Colombo
Espaço 1
Espaço Victoria
Hípica
Iate
Julieta de Serpa
JW Marriott
Marimbás
Marina Barra
Paineiras
Pequena Cruzada
Piraquê
Solar das Palmeiras
Spazio Itanhangá
Windsor Florida


Ufa. Deu pra ver que não foi uma pesquisa curta né?
Em alguns casos, a casa de festas pode ter até preços menores. Por questão de comparação, procurei escolher opções de buffet parecidas - geralmente, coquetel com massa. 
Os preços foram pesquisados entre maio e julho de 2010, com valores válidos para 2011 com base em 200 convidados. Os itens em amarelo são uma estimativa por preços de mercado - ou seja, podem ser trazidos de fora.
Você pode usar a tabela para suas próprias pesquisas! Basta apagar o valor das células e começar do zero. 

Baixe aqui a tabela comparativa de orçamentos de casas de festa no Rio de Janeiro!

Fornecedor, se você ficou incomodado por estar nesta lista, favor entre em contato comigo que será retirado imediatamente.

Dicas para vestidos de noiva

Há alguns meses, fiz uma matéria para o EGO, onde trabalho, com a Lethicia Bronstein, famosa estilista de vestidos de noiva. Ela deu ótimas dicas! E decidi reproduzir a matéria aqui.
Fica a dica também do blog da Lethicia: Bride's Diaries.


No mês das noivas, estilista de novelas dá dicas de vestidos Lethicia Bronstein acredita que o vestido de noiva deve ser atemporal: 'Tem que amar aquilo para sempre'. Confira o modelo ideal para seu corpo.

Especializada em vestidos de noiva e modelos para festa, a estilista Lethicia Bronstein já viu muitos de seus modelos no horário nobre da TV Globo. Lethicia, que trabalha no Rio e em São Paulo, costuma também fazer modelos para novelas – como o vestido de noiva de Rose, personagem de Camila Pitanga em “Cama de Gato”. “O mais legal é saber que aquele vestido vai ser visto , admirado e desejado por muitas pessoas. A sensação é uma delícia!”, diz.

Veja fotos de vestidos feitos por Lethicia

Algumas vezes, Lethicia pega emprestado vestidos de noivas para serem usados em novelas. "Elas adoram ver seus vestidos na TV!", diz ela, que às vezes faz um vestido todo para se encaixar na personagem. "São os casos mais bacanas, quando tenho a oportunidade de sentar com as figurinistas e discutir o perfil do personagem para ver qual vestido se encaixaria melhor."

Na TV ou na vida real, Lethicia acredita que o modelo de noiva não deve seguir tendências. Ela aconselha as mulheres que vão se casar que optem pelo atemporal. “Acho que tendência para noivas é algo que não deve ser seguido. Vestido de noiva tem que ser atemporal para que daqui a 30 anos ela olhe para suas fotos e continue amando seu modelito”, opina. “Hoje em dia se usa de tudo, menos aquelas mangas bufantes tipo Lady Di."

Lethicia faz modelos personalizados, exclusivos para cada noiva. Primeiro, ela tem uma boa conversa com a cliente e ouve suas expectativas. Em seguida, apresenta um croqui que, se aprovado pela noiva, começa a ser confeccionado com materiais nobres e importados, e todo de forma manual. O processo chega a levar oito meses.

Como escolher o vestido de noiva
A estilista conta que faz de tudo para adaptar o desejo da cliente a algo que caia bem no seu corpo. “Quando ela sabe o que lhe cai bem, tudo joga a seu favor”, diz ela, que aconselha alguns cuidados para mulheres mais baixinhas e cheinhas. “Para gordinhas, o decote na frente é sempre bem vindo porque realça o colo. Saias em corte evasê e que saem de baixo do busto sem marcar a barriga são certeiras, pois emagrecem e alongam a silhueta.”


Já as noivas mais magras podem abusar e até escolher modelos com saia bem volumosa. “Elas podem usar modelos mais justos ao corpo. Ou extrapolar no volume das saias por não ter aquele medo de parecer mais cheinha... Um modelo bem princesa mesmo!”

Vestidos de festa
Ao contrário dos modelitos de noiva, vestidos para madrinhas e mães seguem as tendências da moda. A estilista aposta em cores pastel e em tons de pele. “Os ‘nudes’ vão continuar com força. Cores como lavanda, hortência, tons rosa mais fechados, cinza, prata, lilás, ou seja, uma cartela de cores em tons mais pastel e sofisticados, são chiquérrimos e transitam no inverno e no verão lindamente”, aconselha Lethicia, que dá uma dica para não errar.

“Acho que ninguém deveria usar cores fortes quando muito bronzeada. A chance de pecar é grande!”. Carolina Dieckmann, Sabrina Sato, Claudia Leitte, Daniella Cicareli e Julia Lemmertz são algumas das famosas que já usaram vestidos de festa da estilista.


"Something old, something new, something borrowed , something blue"

"Something old, something new, something borrowed , something blue"

Vocês já ouviram esta expressão?

Esta é uma tradição que vem da Inglaterra Vitoriana, lá do século XIX, e dita que as noivas precisam usar “alguma coisa velha, alguma coisa nova, alguma coisa emprestada, alguma coisa azul”. Mais uma entre tantas crendices que cercam a cerimônia do matrimônio. Poucos sabem que o ditado termina com uma Quinta sentença: “And a silver sixpence on her shoe”, “uma moeda prateada no sapato”. Sabe-se lá porquê esta parte da tradição caiu em desuso, rs.

Mas, como toda e qualquer ‘simpatia’, tem uma explicação.

Something old: representa o vínculo da noiva com a família, principalmente sua mãe e sua avó; tradicionalmente, a noiva usava um item de vestuário ou acessório que pertencia a uma alguma parente próxima;

Something new: representa os desejos de boa sorte e sucesso para a nova vida de casada. Usar um item novo assegura, segundo os crédulos, que a noiva e seu futuro marido construirão um laço duradouro;

Something borrowed: assinala que os amigos e familiares da noiva estarão presentes para ajuda-la em caso de necessidade;

Something blue: a cor representa lealdade, pureza e fidelidade.

Por séculos, as noivas inglesas vêm usando um de cada desses itens. É um modo não só de seguir uma tradição, mas também de mostrar apreço a pessoas queridas na hora de escolher o “algo velho” e “emprestado”.

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Checklist para casamento

"Vou casar. E agora? por onde começo?" São tantas as providências a serem tomadas antes do casamento que a toda noiva, de primeira, fica meio perdida. Por isso, fiz uma 'listinha' das coisas que precisarei fazer daqui até o dia 02/09/11. Tenho certeza de que essa lista irá crescer MUITO e que não funciona igualzinho para todo mundo. Mas é genérica e um bom pontapé inicial.



Providências gerais
Data do casamento
Igreja
Local da festa
Buffet
Decoração da festa
Lista de convidados
Padrinhos
Daminha e pajem
Convites
R.S.V.P.
Alianças
Noite de núpcias
Lista de presentes
Transporte dos noivos
Foto
Filmagem
Cerimonial

Eventos pré-casório
Chá-de-panela

Noiva
Vestido
Véu
Acessório de cabelo
Sapato da noiva
Joias da noiva
Maquiagem/cabelo da noiva
Something old
Something new
Something borrowed
Something blue
Colocar nome das amigas na barra do vestido
Buquê
Buquê para jogar para solteiras

Noivo
Traje do noivo
Sapato do noivo
Flor de lapela do noivo

Padrinhos/madrinhas/crianças
Trajes dos padrinhos
Flor de lapela dos padrinhos
Cores das madrinhas
Traje daminha e pajem

Cerimônia
Documentos para casamento civil
Curso de noivos
Celebrante
Ornamentação da igreja
Música da cerimônia
Entrada dos padrinhos
Entrada do noivo
Entrada das daminhas
Entrada da noiva
Entrada da aliança
Bênção das alianças
Assinatura dos documentos
Cumprimentos
Saída

Festa
Buffet
Definir cardápio
Decoração do salão
Iluminação decorativa do salão
Música para entrada no salão
Primeira-dança
Espumante
Uísque
Bem-casados
Doces
Bolo
DJ
Iluminação pista
Caixinha de primeiros-socorros para banheiro
Manobristas

Lua-de-mel
Definir destino
Passagens
Reservas em hotel
Transporte – trens, aluguel de carro...
Passaporte/visto
Trocar moeda estrangeira

Colombo



Decidido: em 02/09/2011, Leandro e eu comemoraremos o casamento com nossos amigos e familiares queridos na Confeitaria Colombo, no Centro do Rio.

A Colombo era tudo que eu sempre sonhei para uma festa. Gosto muito desse ar antigo! E o Leandro embarcou nesse sonho comigo.

Mais difícil foi convencer meus pais. rs Eles não gostavam do fato de só ter vaga sexta e também não viam como aquele lugar poderia abrigar uma comemoração. Depois de muitas fotos e uma visita
in loco, eles também embarcaram nessa.

E assim fechei a primeira coisa do nosso casório: o local/data da festa!

[Agora estou na função igreja...]


domingo, 25 de julho de 2010

Começando

Sempre adorei casamentos. Acho tudo tão lindo – o vestido branco, as flores… mais ainda, acho bonito cada cerimônia ter a particularidade dos noivos. Há quem prefira casar de dia, outros preferem à noite, uns querem poucas pessoas ao redor, há quem opte por muita pompa e circunstância; enfim: cada um com seus gostos e o casamento reflete isso, na medida do possível.

Enfim que chegou a minha hora: vou casar!
Criei este blog para falar para do assunto casamento, especificamente no Rio de Janeiro, e compartilhar minhas descobertas no caminho de preparar uma festa.

Casar no Rio não é fácil. Só quem começa a procurar lugar para fazer uma festa é que percebe quão poucos são os lugares disponíveis, quão caro tudo que envolve um casamento é, quão complicado é realizar um sonho.

Meu objetivo aqui é dividir também minhas descobertas. Preços, condições, até mesmo impressões – mas não muito porque sou jornalista e sei bem que dar uma opinião sobre um serviço ou produto pode me levar a ganhar um processo por causa de um até então inocente blog.

Estou fazendo planilhas com o valor de igrejas, casas de festas e salões na Zona Sul e Centro do Rio de Janeiro. Todos os preços foram pesquisados em maio e junho de 2010, com base em 200 convidados e preços para 2011. Pretendo disponibilizar aqui estas informações em breve. Tenho a maior parte em email, portanto, é só me escrever que posso passar informações

Caso algum fornecedor sinta-se lesado com as informações expostas aqui, entre em contato que tiro as informações do ar.