Pesquisar este blog

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

O dilema: cabelo

Acho que toda noiva passa por esse dilema: o que diabos fazer com o cabelo até o casório? Deixar crescer? Pintar? Manter a cor?
Não sou a única com tais dúvidas - olha o relato da noiva-fofucha Musa, que também não sabe se muda a cor, se mantém... 

Quando resolvemos casar, eu estava com luzes discretas e o cabelo bem curto - um corte chanel de bico com a nuca batida (e também mais gordinha, acho que foi meu maior peso). Ó só:


Aí eu resolvi deixar crescer simplesmente porque adoro penteados e o cabelo tão curto não deixa tantas opções. Desde junho, ele cresceu bem - meu cabelo é tipo mato, cresce que é uma beleza. Aparei duas vezes sem mexer no corte - ou seja, o bico continua aqui, deixando a frente mais  longa que a base do cabelo, para me dar a impressão de que o cabelo está maior do que está, rs.

Gosto do meu cabelo curto e com algumas luzes. Meu cabelo natural é bem escuro e, quando longo, tende a fazer cachinhos nas pontas. Olha aí numa foto de sete anos atrás (ao lado da madrinha Renatinha!)



Com um corte mais curto ele fica mais liso - nunca fiz escova progressiva, mas uso shampoo para cabelo liso da Natura que é ótimo. Essa sou eu agora, em mais uma fotinho tosca de celular.



Minha dúvida é que estou bem insatisfeita com o cabelo. Ele está sem corte e as luzes clarearam com o sol, deixando meu cabelo mais claro do que eu gostaria. Não quero ficar com esse cabelo horrível mais seis meses! No meu mundo perfeito, eu faria um corte agora (sem tirar comprimento), o cabelo cresceria bastante até agosto e eu faria umas ombrés - luzes bem discretas apenas na ponta dos cabelos -, para o penteado ficar mais bonito, com mais textura e profundidade, do que se meu cabelo tiver uma cor só. Mas não sei se vai crescer tanto nem se consigo tirar a balayage do cabelo todo e deixar apenas as pontas claras. Ai, ai. Como é dura a vida da noiva!

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Vídeo

Vendo esse trailer do EduFilmes eu entendo porque não acho outros que me agradem...


TRAILER :: DJANE & MAGNO from edu corrêa on Vimeo.

Lindo!

Cores da decoração



Ainda não me resolvi quanto às cores da decoração da recepção, na Colombo.

Gosto muito da idéia do combo rosa clarinho + branco com alguns toques discretos de preto. Acho elegante e bem diferente. Mas tenho medo de o preto "pesar" na Colombo e de ter dificuldade de achar forminhas e tecidos nestas cores, por exemplo. O Leandro gosta muito dessa ideia (mas meus pais odeiam! rs)

Outra opção é o rosa com branco, bem mais comum mas que também adoramos. E azul hortência com branco. Vi uma decoração com hortências na Colombo que adorei.

Ó, dúvidas...

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Eu serei uma noiva tatuada

Tem gente que não gosta, tem gente que gosta... Minha mãe é uma das que odeia! rs Ela está reclamando de uma das minhas tattoos, a que eu tenho em forma de coração na nuca. Quer que eu esconda de qualquer jeito no casamento.

Foto tosca de celular da minha tatuagem

Minhas tatuagens fazem parte de mim, da minha personalidade e da minha vida no dia-a-dia. Não faz sentido esconder né? Além disso, a Beth, responsável pela minha make, não me recomenda esconder as tatuagens com maquiagem, principalmente a minha por causa da localização. Na nuca, ela diz, eu vou suar, a make vai derreter, as pessoas vão me abraçar, vão se sujar, ela vai ficar coberta pela metade e vai ficar uma coisa estranha.

Acho que muita gente acha que quem tem tattoo não combina com uma cerimônia tradicional de casamento, mas acho que isso é a maior besteira!

Fotos lindas de noivas e suas tatuagens:

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Rapidinhas casamentícias

- Em menos de um mês, vou fazer a primeira prova do meu vestido de noiva com a Carol Hungria. Desnecessário dizer que estou bem ansiosa né?

- Esperei para contar, mas já tenho cerimonialista. É a fofa Fernanda Vianna, da Casamento Prático. Demorei para assinar o contrato, mas já sabia que seria ela há um bom tempo :)

- Encomendei os noivinhos para o bolo hoje. Para dizer a verdade, não sou muito fã de noivinhos, não curto de biscuit, essas coisas. Achei uma versão mais moderna e fiquei encantada. Surpresa! Essa só mostro dia 02 de setembro. rs

- Estou tensa, bem tensa com a filmagem do casório. Gosto de dois fornecedores - Edu Filmes e 3+1 -, mas, como filmagem não era bem uma prioridade para mim, o orçamento deles ficava acima do que pretendíamos gastar. Há meses venho buscando uma alternativa mais barata e, infelizmente, concluo que tudo que é mais barato nesse quesito não chega aos pés dos fornecedores que gostei. Ó, dilema...

sábado, 22 de janeiro de 2011

Missão: convites

Procurar convites é um dos próximos itens na minha lista.
Eu acredito que o convite antecipa ao convidados o tom da festa - se é mais formal, mais despojada... E também a cara dos noivos. Por isso, Leandro e eu preferimos algo clássico mas não tão clássico, rs. Explicando assim é difícil entender né? Pois bem, passemos às imagens, que valem mais que mil palavras!









sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Eu tenho vestido de noiva!

Na verdade, não tenho nada além de um desenho (lindo!) em um papel. Nem quanto ao tecido me decidi ainda... rs Mas já sei quem vai fazer meu vestidón de noiva: Carol Hungria.

Em dezembro, estive na Carol Hungria. Conversei com ela, mostrei referências do que gostava, disse que sonhava com um vestido toooodo de renda... Ela fez um desenho, me mostrou um monte de tecidos e eu me encantei. A Carol é bem acessível, não é daquelas que você mostra um vestido X e ela desenha Y, sabe? Ela vai dando os toques dela, aqui e ali, sugerindo algumas coisas... E quando você vê ela captou justamente o que você queria. Bacana, né?

Aí ontem voltei lá com minha mãe. Dona Rose tinha ido à Casa Alberto, uma loja de tecidos em Ipanema, e se encantado por uma organza de seda pintada à mão. Mesmo sem saber o que faria, ela comprou o tecido. O cara da loja chegou a fazer um desenho mas não era o que ela queria, sabe? Então, falei com a Carol que minha mãe tinha comprado um tecido mas não tinha quem fizesse o vestido - ela disse que não é algo comum mas que abriria a exceção. E lá fomos nós. Ela ouviu minha mãe, deu sugestões e também fez um desenho pra ela. Acho que também minha mãe sentiu-se mais a vontade com ela, que não é daquelas que se acham estrelas, sabem? Quando cheguei em casa, decidimos fechar meu vestidón com ela! Ai que luxo! Ai que tudo! :)

Ainda faltam muitas coisas mas decidir O vestido é o que há!

Para ver os vestidos que a Carol faz, entra no blog dela, tem cada coisa...

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

Hotel para a noite de núpcias

Depois de muito discutirmos a ideia, Leandro e eu decidimos o hotel para a noite de núpcias. Era algo que eu fazia questão de pagar, afinal é também onde eu vou me arrumar né?

Depois de uma pesquisa inicial, descartei o Copacabana Palace (todo mundo faz e eu sou daquelas que gosta de novidade, rs) e o Fasano (caro demais!). Pesquisei, pesquisei... e ficamos entre o La Suite, no Joá, e o hotel de Santa Teresa. Acabamos escolhendo o segundo.




Lindão né? Ficamos com uma suíte intermediária. Acho que vai caber todo mundo lá - a galera da foto, maquiagem, vídeo...

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Estamos de volta...

Estou de volta!
E agora, espero, para não mais me ausentar.

Boas notícias: na semana passada, fechei a responsável por meu cabelo e make para o casório, Beth Ribeiro. Ela é uma fofa, as noivas dela ficam lindas demais e além disso ela parece entender tudo do assunto.

Com isso, fiquei pensando no tipo de grinalda que vou escolher. E claro que ela tem de combinar com o penteado. Estou superinclinada a fazer um penteado preso com trança embutida. O que vocês acham?

Inspirações: